Motorola sobre SIRESP: “Estas redes de comunicação duram muito tempo, mas não duram para sempre”

Terramotos, tufões, cheias ou incêndios florestais. Todos são cenários em que é crucial manter uma rede de comunicações. O último, relativo aos fogos, ainda é bastante presente para Portugal: em 2017, morreram 114 pessoas. Na sequência de um ano catastrófico, cinco siglas de uma parceria de empresas passaram a fazer parte do vocabulário dos portugueses: SIRESP (Sistema Integrado das Redes de Emergência e Segurança de Portugal). Na vigésima edição do CCW [Critical Communications World], um evento anual em Berlim de tecnologias de rede para comunicações críticas, falámos com a Motorola sobre o papel que tem no consórcio e as novas câmaras de vigilância com inteligência artificial que fazem lembrar um livro de Orwell.

Motorola sobre SIRESP: “Estas redes de comunicação duram muito tempo, mas não duram para sempre” was last updated Maio 22nd, 2018 by APWPortugal
« Voltar ao Notícias